soul

[…] E o país do swing
é o país da contradição…

(Jack soul brasileiro by Lenine)

Para compor esta segunda-feira, que reúne lembranças secretas de minha adolescência numa cidadezinha qualquer, uma “música de Lenine”.

Em dias que antecedem as eleições 2010, momentos decisivos para os rumos de um país com tantas contradições como o nosso,  é bom abrir espaço  para algumas notas musicais.

Continue lendo “soul”

patience

[…] Enquanto o tempo acelera e pede pressa
Eu me recuso, faço hora, vou na valsa
A vida é tão rara…
(Paciência by Lenine)

Ainda é necessário inquietar-se, lutar contra tudo aquilo que interrompe ou aniquila o nosso espírito… Sim, Caio tem razão: entre nós, há equívocos com tanta beleza e aparência de verdade! Serão a frieza, a hipocrisia, a arrogância e a falta de afetividade implacáveis neste século?

Finge e mascara, cinge as máscaras. Corre-se o risco de ficar impermeável. E há quem de nada reclame, como se isso fosse nobre, como se o silêncio fosse sempre sábio. Ah, cansei desse tipo de gente! Gosto mesmo é de quem se inquieta, mas também respira, de quem percebe – sem olhos de assombro ou compaixão desmedida – as diferenças.

Sigo o caminho sem a inocência da infância, mas preservando a esperança de um outro amanhã. Eu também sei entardecer as minhas dores. E aprendo o quanto elas me foram importantes até aqui. Reuni-las é o mesmo que torná-las poesia. E é disso que gosto!

Continue lendo “patience”